Warning: Declaration of Cws_Walker_Nav_Menu::walk($items, $depth) should be compatible with Walker::walk($elements, $max_depth, ...$args) in /home/clinicadasaude/public_html/wp-content/themes/clinico/functions.php on line 0
Clínica da Saúde: PCA – Programa de Conservação Auditiva

PCA – Programa de Conservação Auditiva

27 de novembro de 2015

O que é PCA e qual o seu objetivo?

PCA é a sigla para Programa de Conservação Auditiva. O PCA consiste em um conjunto de medidas adotadas pelas empresas, que têm como objetivos evitar acidentes de trabalho como a surdez e reduzir os efeitos extra-auditivos causados pela exposição a nível de pressão sonora elevado. Além disso, identificar trabalhadores com patologias auditivas que não estão relacionadas ao trabalho, e adequar as empresas às exigências legais.

Quais são os profissionais envolvidos?

Estão diretamente envolvidos na implementação do PCA, os técnicos de segurança do trabalho, o médico do trabalho e o fonoaudiólogo. O sucesso do programa depende também da participação de todos os níveis hierárquicos da empresa, para garantir a correta transmissão das informações necessárias e o estabelecimento de responsabilidades.

Quais empresas devem implementar PCA e por quê?

As empresas que possuem o risco físico de ruído (nível de pressão sonora elevado), em seu ambiente de trabalho, conforme identificado no PPRA (Programa de Prevenção de Riscos Ambientais), deverão implementar um PCA (Programa de Conservação Auditiva).
Quando falamos em elaboração de PCA devemos destacar, que não se trata apenas da realização dos exames audiométricos periódicos, previstos no PCMSO (Programa de Controle Médico de Saúde Ocupacional), mas também toda a documentação de seu processo evolutivo, com acompanhamento caso a caso, desde a admissão dos funcionários.

Para garantir que o programa alcance seu objetivo, prevenir a perda auditiva, algumas etapas básicas devem ser seguidas:
-Definir as estratégias de medição do ruído;
-Realizar as medições;
-Tomar decisões quanto ao tipo de EPI (Equipamento de Proteção Individual) a ser usado;
-Oferecer treinamento para todos os envolvidos.
-Realizar avaliações audiométricas periódicas;
-Fazer a documentação e manutenção dos registros.

Toda vez que a empresa investe na saúde e qualidade de vida de seus colaboradores, trabalhador e empresa são beneficiados. E no caso do PCA – Programa de Conservação Auditiva não é diferente. Acompanhe:

Benefícios para o trabalhador

-Prevenção da perda auditiva;
-Diminuição do nervosismo, estresse, doenças cardiovasculares e outras causadas pela exposição ao ruído elevado;
-Melhoria na qualidade de vida, já que a perda auditiva afeta a capacidade de comunicação, essencial para viver bem em sociedade;
-Facilidade para dar e receber orientações, ouvir sinais de alerta e sons de máquinas, utilizar o telefone e etc;
-Disponibilidade para o mercado de trabalho, a perda auditiva diminui as chances de o trabalhador conseguir um novo emprego.

Benefícios para a empresa

-Aumento da produtividade do trabalhador, pela redução do estresse e do cansaço, relacionados com a exposição ao ruido;
-Diminuição dos acidentes de trabalho, ganhos monetários diretos e indiretos;
-Manutenção de uma imagem positiva da empresa;
-Redução dos custos com insalubridade;
-Cumprimento das exigências legais, diminuição dos gastos com eventuais multas;
-Respaldo da empresa nos aspectos legais e em possíveis processos judiciais de reclamatórias trabalhistas.

Clínica da Saúde há mais de 15 anos presta assessoria completa na área de Medicina e Segurança do Trabalho. Nossa equipe técnica em conjunto com a médica atende a todos os tipos e tamanhos de empresas. Fale conosco e tire todas as suas dúvidas.

Leave a Comment